9 Destinos Internacionais para Viajar SEM passaporte

9 Destinos Internacionais para Viajar SEM passaporte


Tivemos recentemente uma questão delicada quanto viagens ao Exterior, onde muitas pessoas me perguntavam: para onde posso viajar sem passaporte? Agora já está resolvido e a confecção dos passaportes, retomada, mas mesmo assim é um caso a se pensar, temos algumas opções pertinho do nosso Brasil (Buenos Aires, por exemplo, são apenas 3h de vôo (saída Rio de Janeiro), mesma coisa que viajar para Fortaleza.


Pois bem: você tem 9 opções de viagemns internacionais onde não será necessário o passaporte.


A partir de junho de 2008, se tornou possível viajar sem passaporte os os viajantes dos países que compõem o Mercado Comum do Sul, o Mercosul. Nesse caso basta apresentar a cédula de identidade nas viagens realizadas nos locais que formam o bloco. Não é preciso levar passaporte nem visto de entrada.




A decisão do Conselho do Mercado Comum (CMC), órgão decisório do Mercosul, teve como objetivo facilitar o trânsito de cidadãos para aprofundar a integração regional. Argentina, Brasil, Paraguai e Uruguai são os países fundadores do Mercosul e Chile, Colômbia, Equador, Peru e Venezuela integram o bloco como associados.


Os documentos de identidade devem ter fotografia atual e, caso gerem dúvidas, pode ser solicitado outro tipo de identificação, também com foto.



Confira os países em que você pode viajar sem precisar de passaporte e o que fazer neles!



ARGENTINA

Terra dos nossos hermanos, imortalizada pelo Tango, El Caminito e paisagens quase européias, de Buenos Aires, e diversas cidades instigantes como Mendoza com seus vinhos, Ushuaia, Calafate e sua a Patagônia Austral, além, claro, de Bariloche, a queridinha cidade de inverno favorita dos brasileiros.



BOLÍVIA


La Paz é a cidade mais barata da América do Sul, ponto de passagem obrigatório para mochileiros rumo aos Salares bolivianos.




CHILE

O Chile é sensacional por suas paisagens distintas e instigantes, desde o Deserto do Atacama, a Cordilheira dos Andres, à metrópole Santiago, passando pela região das Uvas, Vinhos e Vulcões e terminando em seu extremo sul, a Patagônia Chilena que conta com Torres del Paine e Punta Arenas, cidade de saída dos cruzeiros de Expedição ao continente Antártico.



COLÔMBIA

O país do célebre Gabriel Garcia Marques conta desde cidades históricas, como Cartagena das índias, a cidades amazônicas, montanhas e claro, as praias de Cabine, como por exemplo as situadas na famosa ilha de San Andrés.



EQUADOR

Quando pensamos em Equador, pensamos logo em Quito, sua capital, e a incrível Galápagos, paraíso de fauna e flora.




PARAGUAI

Comprinhas, que tal?



PERU

O país que abriga umas das Maravilhas do Mundo Moderno, Machu Pichu, abriga também dezenas de outras cidades sensacionais.




URUGUAI

Esse país que já fez parte integrante do Brasil, num passado não tão longínquo, abriga além da capital Montevidéo, a encantadora e bucólica Colonia e a badalada Punta del Este.




VENEZUELA

Praias dignas de Caribe (pera, ops, a Venezuela é banhada pelo mar do sul do Caribe rs), a Venezuela seria um lugar de paz e descanso se não fosse o momento difícil que atravessa atualmente, estando instaurado um grande caos político. Força, amigos!




Os documentos exigidos pelas autoridades migratórias normalmente nesses países são o passaporte ou documento de identidade emitido pelos órgãos de registros estaduais e com validade menor que 10 anos. Não são aceitos como forma de identificação CNHs ou carteiras emitidas por entidade de classe ou órgãos militares. Para menores desacompanhados, é necessário portar autorização legalizada. Ao ingressar no país, agentes migratórios podem exigir a apresentação de cartão de vacina contra febre amarela.


Ao turista poderá ser, ainda, solicitado provar que tem meios suficientes para custear sua estada no Chile e que possui passagem de retorno.



ACORDO DO MERCOSUL SOBRE DOCUMENTOS DE VIAGEM

Devido à existência de acordo do MERCOSUL sobre documentos de viagem, cidadãos brasileiros podem ingressar nos países que fazem parte do acordo portando documento de identidade civil, sem necessidade de passaporte. A exigência de RG emitido há menos de dez anos não consta do Acordo do MERCOSUL sobre documentos de viagem. Nos termos do Acordo, o RG brasileiro expedido pelas instituições competentes não tem prazo de validade e é documento hábil para entrada em países-parte do acordo. É necessário, no entanto, que o RG esteja


1) em bom estado de conservação e

2) com foto que permita identificar claramente o titular.


Ainda nos termos do Acordo do MERCOSUL sobre documentos de viagem, se houver alguma dúvida sobre a identificação do portador (RG com foto antiga), o agente da imigração poderá solicitar outro documento com foto para esclarecer a identidade (art. 1º – “Caso a fotografia gere dúvidas sobre a identidade do portador do documento, poderá ser solicitado outro documento efetivo para sanar tal circunstância.”) É possível, caso o RG esteja com foto desatualizada mas em bom estado de conservação, argumentar que o procedimento previsto no Acordo do MERCOSUL sobre Documentos de Viagem autoriza o esclarecimento da identidade do viajante com base em outro documento com foto. Mas tal possibilidade será aplicada ou não a critério do agente migratório. Assim sendo, caso o RG conte com foto muito desatualizada, recomenda-se que cidadãos brasileiros solicitem novo documento de viagem (RG ou passaporte) a fim de evitar problemas.


Não são aceitos como documento de viagem: Certidão de Nascimento (mesmo para recém nascidos ou para menores de idade) e qualquer outro documento, mesmo aqueles que tenham aceitação como documento de identidade no Brasil, como Carteira Nacional de Habilitação, carteira de identidade de associações profissionais, de Ministérios, inclusive militares, ou emitidos pelos poderes Executivo, Legislativo ou Judiciário da União e dos estados.


Saiba mais sobre documentação no post de mesmo novo, aqui no nosso blog.



Com informações de http://www.portalconsular.itamaraty.gov.br/seu-destino/

Clique aqui e consulte pacotes de viagem


Esse texto está protegido por direitos autorais, não é permitida a sua cópia ou reprodução sem consentimento prévio por escrito


....................................................................................................................................................................................................

Você também pode se interessar por

Manual do Viajante de Primeira Viagem

Os Dez Mais: Aplicativos de Celular para Viagem

Documentação para Viajar

Primeira Viagem Internacional: com o que eu preciso me preocupar?

Voltar para o blog

Voltar para o site

#MarinheirosDePrimeiraViagem #Documentação

Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Nenhum tag.
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square
This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now