Seguro Viagem: Como funciona? Para que serve? É realmente obrigatório?

Seguro Viagem: Como funciona? Para que serve? É realmente obrigatório?



Muitas pessoas desconhecem a existência do seguro, outros ignoram, pois acreditam ser um custo desnecessário... Mas afinal, como funciona, para que serve, e é realmente obrigatório?


O que é

Seguro viagem é como um plano de saúde + seguro contra problemas que possam vir a acontecer durante a viagem. Ele vai proteger o contratante desde questões de saúde no local (acidentes, mal estar, doenças crônicas e/ou pré existentes) a problemas em relação a viagem em si, como problemas com extravio de bagagem, problemas judiciais no local, e até mesmo Cancelamento de Viagem. Explicarei melhor cada item. Clique aqui e consulte seu Seguro Viagem


Seguro de Viagem x Assistência de Viagem

Seguro é quando você estará assegurado, mas precisará arcar com as despesas do seu bolso para depois ser reembolsado. Assistência é quando você será atendido, dentro do previsto no contrato, sem pagar por isso.

A seguradora que indicamos é a Affinity Seguros, que trabalha com Assistência de viagem, ou seja, não será necessário pagar nada adiantado, salvo em casos que não haja clínicas especializadas, como lugares muito remotos, onde não exista assistência médica particular ou Navios de Cruzeiros, onde a clínica médica pertence a armadora do navio e que não faz convênios com seguradoras.


Meu cartão de crédito oferece seguro viagem gratuitamente

Alguns cartões oferecem seguro viagem gratuitamente, normalmente se você compra a passagem aérea com o cartão. Mas MUITA atenção! Normalmente apenas os cartões com perfil Platinum ou Superior oferecem, e quando oferecem realmente! É necessário ter atenção máxima principalmente nas coberturas, tanto em valor máximo quanto de itens emergenciais que o plano cobre. Não recomendo, mas se você vai para Europa ou vai fazer um intercâmbio, aí mesmo que não aconselho de forma alguma! Já ouvi diversas reclamações sobre seguro de cartão, e eu mesma passei por uma situação desagradável numa viagem a Las Vegas. Liguei para meu cartão, um American Express Platinum e fui informada de que teria o seguro, e bastava ligar para o Amex caso houvesse alguma necessidade. Em viagem me levei um tombo e machuquei o braço, que infeccionou tão feio que precisei de remédios. Liguei para o cartão, e então me disseram que para poder usar o seguro eu teria que pagar uma taxa, como se fosse uma mensalidade que depois quando eu voltasse eu poderia cancelar. Primeiro que essa mensalidade era mais alta que o valor do seguro se eu tivesse feito do Brasil. Segundo, que depois a gente esquece com as atribuições do dia-a-dia, e não cancela, fica pagando um produto o qual não terá uso e que também onerou ainda mais a viagem. Leia no final desse post mais alguns relatos sobre o uso do Seguro / Assistência viagem para ajudar na sua decisão.


É realmente obrigatório?